Gritedo eletrônico no banheiro

Invento contra bêbados

Estado americano do Novo México apertou o cerco contra motoristas bêbados e acaba de encomendar 500 desodorizadores de mictório falantes. Eles são equipados com um sensor que detecta a presença de álcool na urina dos clientes de bares e restaurantes. Quando isso acontece, o sensor dispara uma gravação com voz feminina e diz, em inglês: “E aí, cara, andou tomando uns drinques? É hora de chamar um táxi ou pedir para um amigo sóbrio lhe levar pra casa”. O assessor do departamento de transportes, S.U. Mahesh, disse que os desodorizadores falantes são uma boa maneira de atingir o público-alvo da campanha de segurança nas ruas e estradas. O número de homens bêbados que causam acidentes de trânsito é três vezes maior que o de mulheres. O inventor do dispositivo, Richard Deutsch, disse que n! ão existe público mais compenetrado do que um homem na frente de um mictório. “O cara não olha para a direita, não olha para a esqueda. Ele se concentra no aparelho.” Na fase inicial, o governo irá investir US$ 21 por peça. Caso o negócio dê certo, os donos de bares e restaurantes terão de arcar com os custos. As baterias agüentam até três meses de sermão. Que tal importar o invento?

(Da coluna de Affonso Ritter.)

Aqui no Brasil seria um espetáculo…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.