E o dólar continua caindo

Da coluna de Affonso Ritter:

O dólar teve nesta segunda (14) um dia histórico e fechou abaixo da marca dos R$ 2,60 pela primeira vez desde 4 de junho de 2002, período anterior às turbulências com a eleição presidencial. Caiu 0,92% e encerrou a R$ 2,58. Desde o início do mês, os bancos falam que o dólar tem espaço para cair até R$ 2,50. A previsão de entrada de recursos captados no exterior por empresas e bancos contribuiu para o recuo da cotação. Lá fora, o dólar também perdeu valor frente a moedas fortes como o euro, iene e libra. Nem o tradicional leilão de compra de divisas pelo Banco Central evitou queda menor da cotação. A Bovespa, por sua vez, interrompeu seqüência de 6 altas consecutivas e sucumbiu a uma leve realização de lucros, fechando em baixa de 0,52%, aos 26.531 pontos e R$ 1,568 bilhão.

Tá bom para comprar coisa fora, tipo: um iPod Shuffle? 🙂

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.